Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Dezembro, 2015

Feliz Natal!

Um Feliz Natal com muito amor, paz e alegria para você! São os votos do Quadrinhada para este dia de 25 de dezembro!


Mônica Especial de Natal #9: metade repeteco, metade inédito

Já está nas bancas o Mônica Especial de Natal #9, título anual da MSP, que republica HQs de Natal. 

A HQ que abre a revista é O caso das árvores (MN #145, nov/98, 23 páginas), em que a Turminha fica sem árvores de Natal, por conta dos preços altos dos pinheiros que ainda existem. A questão é que, sem árvores, o Papai Noel não tem onde colocar os presentes, e aí gera toda a confusão, com direito a prisão, machados, homem cortando árvore incorretamente, e por aí vai. O interessante é que a HQ é dividida em 3 partes, sendo que a primeira e a terceira tem desenhos e letras diferentes da segunda parte, dando a impressão que foi desenhada e escrita por duas pessoas diferentes. Esta é a segunda vez que a HQ é republicada em gibis de Natal, mas desta vez deram um time de 10 anos entre uma republicação e outra.
Em seguida, Qual dar?! (CC #415, dez/02, 2 páginas), Cascão fica em dúvida no que dar para a Maria Cascuda. HQ curtinha e com um final interessante. Também é a segunda vez que é republ…

Checklist Turma da Mônica - Dezembro/2015

Ufa!! Chegamos ao 12º Checklist (e último) do ano. Este mês, como é de costume, todas as revistas mensais terão HQs temáticas sobre o Natal. Confira abaixo:
Mônica 8: “O sumiço das renas”  Cascão e Cebola se disfarçam de rena para ajudar Mônica a salvar o Natal.
Cebolinha 8: “Espacial de Natal”
Cebolinha tem um Natal de outro mundo viajando por vários planetas na nave do Papai Noel.
Cascão 8: "

MSP anuncia o fim da Coleção Histórica

Começou a circular ontem (03) a CHTM #50. Seria mais uma edição normal, porém, é a última da história. Não se sabe o motivo do cancelamento, temos apenas uma imagem do bilhete que Mauricio deixou de despedida.
É uma pena, até porque muitos adultos só colecionavam a CHTM. Agora não tem mais o que colecionar. Tiro no próprio pé, MSP.